Me Blogando

Brasil, mostra a sua cara, sem vergonha!

O que eu acho mais engraçado nos políticos é que eles não fazem a menor questão de mudar a má fama que eles têm. Mais que isso, além de não tentar mudar a fama eles ainda reforçam o pensamento popular de que político não faz nada.

Foi divulgado hoje que os deputados do Piauí estão questionando a vitória do emo Rafinha, no Big Brother Brasil 8. Eles questionam a Rede Globo alegando que é impossível haver empate entre mais de 70 milhões de votos. Eles então aprovaram a proposta do deputado Warton dos Santos para solicitar à TV Globo explicações. Ele ainda soltou a frase:

“Não é possível que em mais de 70 milhões de votos exista empate. Estamos aqui para defender a Gyselle de todo jeito.”

Portanto, meus amigos, se você mora no Piauí eu vos invejo. Queria eu morar num estado que não tivesse problemas como fome, doenças, criminalidade, miséria, poluição, e que além disso ainda estivesse fora do quecimento global assim como o Piauí. Sim, pois, o Piauí não tem nenhum tipo de problema, já que os deputados do estado estão aí para defender a Gyselle, que, pobrezinha, vivia na França, um país extremamente pobre, onde ela tinha que se rebaixar a ser capa de revista como modelo, se humilhou gravando clipes para a MTV, e com certeza não vai ganhar quase nada posando para a Playboy. Pobre Gyselle, não é, senhor Warton dos Santos?

Agora, falando sem ironias, é uma bela falta de vergonha na cara uma pessoa que deveria cuidar das necessidades da população ir à imprensa e falar uma big merda dessas. Tanta gente precisando de coisas importantes e os safados preocupados porquê a Gyselle não ganhou o milhão do BBB. Acham que a TV Globo roubou no resultado? Foda-se! Vocês fazem pior com o povo brasileiro. Acham que ela vai gastar algum centavo do que ela ganhou (ou poderia ter ganhado) com o estado do Piauí? Estejam certos de que ela vai é pra Europa, viajar e talvez até voltar a morar por lá! Bando de idiotas!
Melhorias no sistema de saúde, assistência para as pessoas necessitadas e educação deveriam ser as prioridades desses descarados.
Como diz meu professor de matemática, o mais triste é que eles ganham mais que nós.

Parabéns ao povo brasileiro. Esse é o tipo de gente que vocês escolheram para cuidar dos interesses do povo. Continuem vendendo seus votos em troca de camisetas, canetas e dentaduras e verão onde o nosso país vai parar.

quinta-feira, 27 março 2008 Posted by | Geral | 3 Comentários

Coisas que não entendo

Eu sempre tive uma vontade enorme de abrir um negócio (no bom sentido). Essa idéia vem martelando na minha cabeça há algum tempo, mas eu tenho um certo medo. Embora não falte vontade, falta experiência e confiança para administrar algo que com certeza exige um investimento inicial que nunca é pouco. Mas um dia eu tomo coragem e conquisto essa independência.

Porém, tem gente que chega lá, monta a própria empresa, MAS… não sabe administrar.
Sei que eu não sou formado em administração e muito menos tenho experiência em administrar uma empresa, porém existem coisas que até um pagodeiro sabe que… quer dizer, até uma pedra sabe que não se deve fazer. Vou exemplificar:
Vinha eu nessa segunda-feira pela manhã voltando da casa da patroa quando notei que a Parati velha e acabada que estava na minha frente pertencia à uma empresa de comunicação visual chamada Alternativa. Começou errado aí! Uma empresa de comunicação visual deve, obviamente, se apresentar bem.
Não bastando a Parati estar parecendo uma lata de sardinha, abaixo do vidro traseiro, no qual tinha um outro adesivo com o nome e telefone da empresa, havia um outro adesivo escrito “Corno é assim mesmo! Lê tudo que vê!”, e um outro ainda com algo escrito relacionado à cachaça, mas não lembro exatamente o que dizia.

Agora me diga você, pessoa comum que não administra nem seu dinheiro direito: Você contrataria os serviços de uma empresa que lhe mandasse um representante em um veículo nessas condições? Se você tiver algo que lembre um cérebro dentro da cabeça com certeza você não contrataria.

O mais difícil é saber que a pessoa investe uma grana para abrir uma empresa e deixa chegar numa situação como essa. E eu sem dinheiro para colocar qualquer idéia em prática e ainda à beira do desemprego. Doações em dinheiro, e sugestões de vagas de emprego em empresas da região são bem vindas.

terça-feira, 25 março 2008 Posted by | Geral | 1 Comentário

Boas notícias

Agora sim, pessoal! Finalmente estou com internet no meu quarto! Não dependo mais de estar no serviço para postar alguma coisa. Até porque o meu tempo de estágio já está terminando, e eu estou em busca de um novo emprego.Bom, para marcar a minha volta à internet no meu quarto, estou fazendo esse post pelo Safari 3.1. Para quem não conhece, o Safari é o navegador encontrado no sistema operacional da Apple. Com algumas diferenças, claro. Por exemplo, os bugs que existem na versão para Windows, ainda em testes. Até o momento, o único defeito que encontrei é a exibição de alguns itens, porém nada desesperador. É um navegador de interface bonita, simples e intuitiva, ou seja, a cara da Apple.

   

Um dos bugs encontrados por mim

Outro bug que descobri escrevendo esse post é que o comando Shift+Enter (para quebra de linha simples) não funciona no Safari.Bom, o navegador ainda está em fase testes, e não está à altura de competir com o Firefox, o Opera ou o próprio Internet Explorer no Windows. Porém, se ele atingir no sistema da Microsoft a estabilidade e eficiência que tem nos sistemas Mac, vai com certeza brigar de igual para igual com os grandes nomes. 

terça-feira, 25 março 2008 Posted by | Geral, Tecnologia | Deixe um comentário

Para minha tristeza, a alegria da criançada…

Ontém foi dia de show em São Paulo. E, mais uma vez, de gente que eu não admiro. O rapper que não faz sucesso com rap Sean Kingston, má influência musical ídolo das crianças e adolescentes que ainda não sabem o que querem da vida, se apresentou no Via Funchal para 4.000 pessoas (que se juntar todas não da 2.000).
Ele cantou suas canções esquisitas com seu sotaque estranho e as crianças adoraram.
Ninguém pediu, mas eu vou dar a minha opinião:
Criança gosta de tudo que é porcaria. Criança gosta do Créu, gosta do NX Zero, e gosta do Sean Kingston. Perceba o naipe dos gostos infantis atuais.

O Sean Kingston é um garoto também, está começando, mas eu diria que ele começou do jeito errado do ponto de vista moral, mas começou do jeito certo do ponto de vista comercial. Ele faz seu marketing, ele promove sua música e canta (não sei se cabe esse verbo nessa situação, mas…) o que o seu público quer ouvir, mesmo que a maioria, pelo menos dos brasileiros, não entenda patavinas do que ele fala. Aliás, ele e o Scooby-Doo falando inglês, para mim é a mesma coisa.

Mas do ponto de vista moral, ele  caga e senta em cima. Quer uma prova? Ele está dando um show para 4.000  pessoas,  a maioria crianças e adolescentes,  e diz que está a procura de uma garota para passar a noite, obviamente instigando no seu público algo que não é compatível com a idade de boa parte dele.
Ele que vá passar a noite com a senhora mãe dele, que diga-se de passagem, foi presa quando ele tinha 10 anos (belo exemplo). Se eu estivesse lá eu tiraria o sapato e, com precisão cirúrgica, faria um lançamento e acertaria a quina da sola no meio da testa dele. Maus exemplos desse tipo as crianças já tem vários na TV, não precisam de mais um. Mentira, eu não faria isso. Se eu estivesse lá, estaria com mãos e pés amarrados.

Bem, o fato se resume à: Sean Kingston é um lixo, assim com a sua música e seus exemplos.
E digo que caberia dizer a ele uma frase que eu adoro, e que acho muito pertinente ser dita para pseudo-artistas: “Silence!!! I kill you!!!” – Achmed

quinta-feira, 20 março 2008 Posted by | Geral | 1 Comentário

Data especial!

Bom dia, amigos leitores!
Bom, hoje eu vou começar o dia dando os parabéns para o meu pai! Mesmo ele nem sabendo da existência do meu blog, quero deixar registrado aqui que ele é o meu herói, e sem ele eu não seria nada!

Parabéns pai!!!

quinta-feira, 20 março 2008 Posted by | Geral | Deixe um comentário

Nada melhor que o reconhecimento

Não tem nada melhor do que alguém lhe estimular a fazer algo que você gosta. Por isso, eu agradeço a todos que visitam o meu blog e valorizam os meus posts. E um agradecimento especial à Carlene Torres pelo presente, o selo Yin Yang.
Esse selo tem como objetivo analisar os blogs que possuem as duas forças, Yin e Yang.

yinyang.jpg

Bom, então eu gostaria de indicar alguns blogs que eu costumo ler para esse prêmio também. Eles são:
Super Brush
Tom Irônico
Os outros blogs interessantes que tenho aqui já possuem o selo, então não há necessidade de indicá-los.

Carlene, muito obrigado pela indicação, vou manter os prêmios na sidebar!

Abraços!!

quarta-feira, 19 março 2008 Posted by | Geral | 3 Comentários

Viajando na própria mente

Andei visitando alguns blogs muito interessantes e estou planejando um novo projeto. A idéia de expor alguns conhecimentos ou talentos meus me agrada. O que falta é descobrir algum talento em mim, pois sinceramente eu acredito que não me conheço tanto.
Talvez seja a hora de parar para refletir sobre mim mesmo. Responder perguntas como “quem eu sou?” ou “o que eu realmente quero para mim?” nunca me pareceu algo tão simples. Na verdade não encontro algo que realmente me empolgue, que faça meu coração bater mais forte, e é disso que eu acredito que estou precisando para libertar os meus pensamentos. Vou trabalhar nessa “auto-libertação de mente” ou seja lá como se chame isso. A única coisa que sei é que o lado negro (ou o anti-herói, como diz um post de um blog aparentemente desativado mas que eu vou dar o link) é o mais forte em mim, e acho que tenho que encontrar qualidades em mim e encaixá-las na minha personalidade. Vamos ver onde toda essa história vai me levar.

OBS: Não, eu não vou parar com o blog, se foi isso que pareceu.

quarta-feira, 19 março 2008 Posted by | Geral | 1 Comentário

Morreu

Como eu disse em outros posts, era apenas uma questão de tempo até o Fantasia sair do ar. Foi dito e feito.

Desde ontém o SBT não exibiu o programa Fantasia, o que deve ter deixado um cidadão extremamete triste. O mesmo ocorreu com o programa Charme, da Adriane Galisteu.

Na minha opinião ainda existem programas a serem removidos das grades, porém muitos deles dão audiência (leia “BBB”, “Domingo Legal”, “Domingão do Faustão”, entre outros). Mas, pelo menos dessa vez, o público acertou quanto a não assistir determinada atração porcaria.

quarta-feira, 19 março 2008 Posted by | Geral | Deixe um comentário

Devagar, quase parando.

Ontém eu estava com uma dor de cabeça dos infernos. Não parava por nada. Então, na hora do almoço fui para casa comer, e minha mãe me deu 02 comprimidos de Buscopan, eu acho. Beleza, tomei o remédio, almocei e voltei ao trabalho. Meia hora depois, eu senti que minha pressão estava baixa, meu corpo estava mole, e eu estava caindo de sono. Sério, poucas vezes fiquei baqueado daquele jeito. Hoje, por acaso, vi o e-mail que mandei ontém para a minha namorada quando ela me perguntou sobre a dor, e se eu tinha tomado remédio.
A resposta correta seria essa:

“Oi amor!!
A dor de cabeça passou sim! Tomei dois comprimidos, soh que agora tem outro problema… eu to mole de tudo! To caindo pelas tabelas. Já quase dormi em pé no banheiro, agora to caindo aki tb!
Bom, more, tenha uma ótima tarde!”

(Sim, eu sou um namorado carinhoso. Não, eu não sou gay.)

Porém, eu estava sob efeito do remédio, que me deixou totalmente drogado. Assim sendo, veja o que eu escrevi:

“Oi amore!!
A dir de cabeça passou sim, tomei dois sucos de caix, soh q agora tem outro problema… eu to mole de tudo.. to caindo pelas taelas. Ja quase dormi em pé no banheiro, agora aki o caindo tb!!
Sem contar qqdo eu to sentado aki qse caindo..
Bom, more.. tó enhna tima tarde!!”

Vejam que eu estava completamente grogue. Frases sem sentido, palavras com letras invertidas, ou até palavras que não existem. E eu ainda dei umas duas cochiladas enquanto escrevia esse e-mail. Se dois comprimidos para dor de cabeça me estragaram dessa forma, imagine o que as drogas como o crack ou a cocaína não fazem com seus usuários.

OBS: Eu escrevo abreviado nos e-mails por praticidade, que fique bem claro!

terça-feira, 18 março 2008 Posted by | Geral | 1 Comentário

Dependência tecnológica: doença do século XXI?

Bom dia, caros leitores. Espero que sua manhã esteja melhor que a minha. Logo cedo já tomei uma fechada na Anhanguera de um carro de placa “DIE-XXXX”. Não sei se eu sou paranóico, mas entendi isso como uma ameaça a minha integridade física, considerando que “DIE” significa “morra” em inglês. Quem sabe…

Mas o que eu quero dizer hoje é que vou começar a desenvolver mais meus próprios artigos, sem me basear muito nas notícias que encontro. O motivo disso? Simples! Desenvolver a arte de escrever e dar liberdade à mente, sendo essa última a mais importante. E para começar, vou falar sobre a dependência tecnológica.

A tecnologia vem se desenvolvendo de forma extremamente rápida. Coisas que há alguns anos acreditavamos que levariam décadas para serem reais, atualmente são comuns e tudo caminha rumo à miniaturização. Tudo vem diminuindo, menos a vontade do homem de criar cada vez mais novas tecnologias.
E de que forma isso interfere em nossa vida? Um exemplo: você provavelmente possui um telefone celular. Lembra do tamanho dos celulares há uns 10 anos atrás? Eram gigantes. Mas consideravamos aquilo um grande passo,  realmente foi.

Mas tudo isso traz também um problema para nós. Acostumados cada vez mais a termos comunicação com qualquer pessoa, em qualquer lugar que ela esteja, de qualquer lugar onde estejamos, seja por telefone, SMS, e-mail ou mensagens instantâneas (como o MSN), num momento que ficamos privados desses recursos nos sentimos isolados do mundo, ficamos incomodados. Essa é uma das consequências da dependência tecnológica.
Outro exemplo da dependência tecnológica é visto em empresas. Com informações guardadas em grandes bancos de dados, a busca por essas informações é rápida e fácil, e a segurança do manuseio é maior que documentos em papel. Porém, um problema grave poderia parar uma empresa q fazê-la perder muito dinheiro. Sendo assim, não só existe a dependência em relação ao acesso aos dados e informações vitais para o funcionamento da empresa, mas também a dependência em relação às medidas de segurança da informação, que hoje é muito forte e bem eficiente.

Tendo em mente que a miniaturização é uma tendência, na mesma proporção vai crescer a nossa dependência. Hoje já podemos controlar até a geladeira via celular, então cada vez mais vamos depender da comodidade, e fazer alguma coisa manualmente vai ser considerado cada vez mais primitivo.

Uma empresa não sobrevive sem computadores, telefones ou internet. Da mesma forma, nós ficamos perdidos sem nossos celulares, notebooks, internet. Por isso, estamos cada vez mais diminuindo a comunicação cara-a-cara. Com a facilidade de se comprar pela internet, vamos menos às lojas. Com e-mail, telefone e messengers, vamos menos à casa de amigos ou parentes para bater um papo. Precisamos equilibrar o uso da tecnologia e manter alguns hábitos como eles são, pois essa dependência da tecnologia pode, em casos mais extremos, retardar o desenvolvimento pessoal.

terça-feira, 18 março 2008 Posted by | Tecnologia | Deixe um comentário